;

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Série: Seleções Rumo à África

Procurando encontrar o caminho certo
A seleção de Portugal aparece como uma das equipes mais fortes e sua carta na manga é C
ristiano Ronaldo, o segundo melhor jogador do mundo na atualidade. Nas últimas Copas do Mundo, Portugal sempre está nas fases decisórias do torneio com nomes de peso em todas as linhas do campo.
O plantel português é considerado o mais Sul-Americano da Europa por razão das características implantadas por Felipão e que mesmo com a saída do brasileiro não perdeu suas características, mesmo perdendo parte da qualidade até então apresentada. Suas principais características são posse de bola, ligações rápidas, muitas aberturas pelas pontas.
Após a saída do técnico brasileiro Felipão da seleção portuguesa, comandada por este na Copa da Alemanha 2006, a equipe sofreu muitas baixas custando muito para se classificar para a Copa, conseguindo a vaga apenas na repescagem.
O atual treinador Carlos Queiroz mostra muita incapacidade em dirigir uma equipe com Cristiano Ronaldo (foto), Deco, Simao Sabrosa e Nani, entre outros e não consegue motivar seu elenco a fazer gols. Outro empecilho para a seleção portuguesa é que após a saída de Felipão, Cristiano Ronaldo não conseguiu mostrar mais na equipe nacional porque é considerado um dos melhores do mundo marcando gols inacreditáveis.
O arco é habitado por Eduardo (Sporting De Braga), na defesa Queiroz, Bruno Alves (Porto) e os defensores do Chelsea Bosingwa e Ricardo Carvalho bloqueiam os rivais, no meio-campo Pepe (lesionado), Deco, Raúl Meireles ou Tiago, Cristiano Ronaldo e Simão Sabrosa, para completar o time Hugo Almeida, Liedson e Edinho disputam as duas vagas de atacantes da seleção. Com uma variação tática constante entre o 4-3-3, bem ofensiva, e o 4-4-2 mais retrancado, Portugal tentará algo a mais na África do Sul.

Um comentário:

Row51 disse...

muito bom o blog, se possível vamos trocar indicações.

abraços
http://row51.blogspot.com